fbpx
Menu Fechar

Como promover a Inteligencia emocional nas crianças

A infância é o momento  adequado para a criança desenvolver não só habilidades pessoais e sociais, mas também desenvolver a capacidade de gestão das suas emoções (a sua inteligencia emocional).

O que acontece quando estimulamos a Inteligencia emocional nas crianças

 

“Se as crianças aprenderem a expressar e a gerir as suas emoções, na infância, vão crescer mais capazes e saudáveis, o desenvolver destas capacidades faz com que se tornem adultos que sabem lidar com os seus sentimentos e emoções, que sabem compreender os outros à sua volta e desenvolver empatia, que sabem controlar  e gerir melhor os seus impulsos.”

Compreendemos hoje que trabalhar as emoções é fundamental no processo de aprendizagem.  A aprendizagem é mais significativa quando associada a emoções positivas, para além de que, numa aprendizagem a que não está associada um conteúdo emocional o cérebro não vai reter a informação por muito tempo.

Então, a questão que se põe é : Como ajudar as crianças, os nossos filhos a desenvolverem a sua Inteligência emocional? A serem emocionalmente mais maduras

A Inteligência Emocional é estimulada na criança, através da qualidade das interações entre a criança e os adultos de referência, pais ou cuidadores, professores. Ajudar a criança a resolver os desafios surgem diariamente é um excelente ponto de partida para fomentar a Inteligência Emocional.

Dicas para promover a inteligencia emocional nas crianças:

  • Espaço para emoções – Dar espaço à criança para se exprimir abertamente sobre os seus sentimentos.

Deixar que a criança fale sobre os seus sentimentos e emoções, e até motivá-las a exprimir os seus sentimentos. Aceitar o que a criança sente e validar as emoções da criança.

  • Praticar Escuta ativa – Ao escutar a criança com empatia promove-se na criança também esta capacidade de saber escutar.

Devemos ouvir, sem julgar nem minimizar o que a criança está a sentir no momento. Nunca desvalorizar o que a criança sente, nem dizer-lhe que não tem razão para se sentir assim, ou que chora sem razão…

  • Ajudar a verbalizar as emoções – Atribuir um nome e significado às emoções ajudando a criança desenvolver literacia emocional;

Utilizar as palavras certas para descrever as emoções .Se a criança se sente triste utilizar a palavra tristeza. Se está contente, utilizar a palavra alegria.

  • Desenvolver empatia – Ajudar a criança a identificar as emoções nos outros.

Como é que achas que o teu amigo se sentiu naquela situação? E se isto acontecesse contigo, o que sentirias? Por ex.

Várias atividades lúdicas podem ser feitas com as crianças a fim de que elas aprendam a identificar expressões faciais de alegria, ansiedade, cumplicidade, medo, raiva, tristeza ou desenvolver brincadeiras de reconhecimento de emoções nas personagens favoritas da criança em histórias ou desenhos animados;

  • Todas as emoções são importantes

É essencial que a criança compreenda que as emoções fazem parte da vida de qualquer pessoa e que todos os sentimentos são importantes e legítimos. Há que aprender a lidar com eles.

Nunca passar a mensagem à criança que exteriorizar as suas emoções é negativo, sejam estas quais forem, podemos sim ensiná-las a geri-las melhor. E ai vai ser importante o nosso exemplo.

  • Conversar sobra as situaçóes do dia a dia e comunicação reciproca

Falar das situações do dia-a-dia, explorar com a criança várias possibilidades, perguntando-lhe o que faria em determinada ocasião;

Fomentar o diálogo familiar, falar sobre coisas que aconteceram e ir orientando a criança nas suas escolhas e decisões.

  • Ensinar, ou ajudar a criança a descobrir formas alternativas de exprimir algumas emoções e as suas frustrações

Ajudar as crianças a perceberem quando estão a ficar cansados, stressados, zangados…etc

Estás a ficar cansado, como é que isto te está a fazer sentir? Estás irritado? Com é que podes sentir-te melhor, o que podes fazer para te sentires melhor?

Queres acalmar-te um pouco e já falamos. Precisas de respirar fundo?

Estás zangado com o teu amigo, como é que lhe podes mostrar que estás zangado com ele sem lhe bateres?

  • Ter atenção à Modelação do comportamento :

 As nossas ações representarão um modelo de conduta a ser seguido. Nós vamos dar o exemplo,dai ser fundamental ser assertivo e respeitador das necessidades e limites dos outros.

As crianças aprendem a regular as suas emoções, o cansaço, a zanga, a frustração, etc e a expressar as emoções através da daquilo que vêem. Do exemplo dos pais…

Como é a tua Inteligencia emocional?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *